Pimenta rosa: cultivo e usos

Você sabia que a pimenta rosa, muito utilizada na culinária é fruto de uma árvore?

 

Sim, a árvore conhecida como aroeira vermelha, aroeira pimenteira e também aroeira mansa produz pequenos frutos vermelhos, que descobertos pelos franceses tornaram-se famosos para uso culinário e espalharam-se pelo mundo.

 

Tecnicamente os frutos da aroeira pimenteira não são pimentas verdadeiras, portanto seu sabor não é picante, sendo suave e levemente perfumado.

 

O formato redondo e parte do seu aroma, que lembra a pimenta do reino, pode ter inspirado o nome.

 

DESCRIÇÃO

 

Nome científico: Schinus terebinthifolius

 

Essa árvore é nativa da América do Sul, muito rústica, de porte médio e crescimento rápido.

 

Pode ser utilizada na arborização urbana e em áreas de reflorestamento, sendo considerada uma árvore pioneira.

 

Árvores pioneiras são aquelas resistentes e de rápido desenvolvimento que fornecem sombra para as mudas de árvores e outras plantas que necessitam de sombra na fase inicial de crescimento.

 

Elas podem ser plantadas em áreas descampadas e com sol direto.

 

aroeira pimenteira

A primeira vez que vi essa árvore foi em área urbana e pesquisando sobre ela descobri a sua riqueza, tanto no uso culinário quanto medicinal.

 

 

USO MEDICINAL

 

No interior do Brasil, a aroeira pimenteira já era utilizada largamente por suas propriedades medicinais e raramente por seu uso culinário.

 

Tanto os frutos, como os extratos das folhas e da casca dessa árvore seriam eficazes no tratamento de infecções  de pele, por seu efeito antisséptico e regenerador dos tecidos.

 
Pode também ser usada em casos de infecções genitais e úlceras gástricas

 

Um estudo recente  da Universidade de Emory, nos Estados Unidos constatou ainda que um composto presente na aroeira pimenteira é eficaz no controle da superbactéria Staphylococcus aureus, que é uma das mais resistentes aos antibióticos convencionais e responsável por milhares de casos de infecção hospitalar em todo o mundo.

 

Os cientistas dessa universidade decidiram estudar mais a fundo as propriedades dessa aroeira ao conhecer o uso tradicional da planta no tratamento de infecções de pele pelos indígenas amazônicos e também por essa árvore ser muito resistente e considerada uma planta invasora naquele país.

 

O caso é que plantas muito resistentes normalmente apresentam alguma vantagem biológica que as protegem de todo tipo de infestação no ambiente em que elas estão localizadas.

 

Assim, o que os cientistas buscam é descobrir que substância presente na árvore confere esse tipo de resistência, para estudar seu possível uso em humanos e animais.

 

USO CULINÁRIO

 

pimenta rosa uso culinárioComo tem pouca ardência e é suave e aromática, utiliza-se muito no tempero de carnes, em molhos e na decoração de pratos salgados e doces.

Segue uma receita de molho de pimenta rosa, do site “Cozinha do Bom Gosto

 

 

Ingredientes

  •  2 col (sopa) de azeite
  •  1 cebola média cortada em cubinhos
  •  1 col (sobremesa) de pimenta rosa
  •  1/2 xícara (café) de vinho branco
  •  1 caixinha de creme de leite (pode ser light)
  •  1/2 colher (sopa) de mostarda
  •  1 col (sopa) de cebolinha picada
  •  Sal e pimenta-do-reino-branca a gosto

 

Modo de preparo

Leve uma frigideira ao fogo médio.

Coloque o azeite e a cebola.

Frite até dourar. Acrescente a pimenta-rosa e misture bem.

Sem parar de mexer, adicione o vinho branco e deixe evaporar por 3 minutos. Ainda misturando, junte o creme de leite, a mostarda e a cebolinha.

Por fim, tempere com o sal e a pimenta branca.

Cozinhe em fogo baixo até obter um molho cremoso.

Sirva o molho com os legumes de sua preferência (já cozidos) ou com saladas frias.

 

Andando pelas ruas e observando a árvore da aroeira pimenteira busquei saber mais sobre ela, pois era uma árvore que nunca tinha visto antes, apesar de nativa, e com essa curiosidade descobri todas essas informações interessantes.

A observação é a mãe do conhecimento. Se você tiver curiosidade pelas coisas ao redor, aprenderá muito sobre a natureza!

E você, já conhecia essa árvore e a pimenta rosa? Comente abaixo.

Um abraço.

 

QUER APRENDER A PREVENIR E TRATAR DOENÇAS COM PRODUTOS DA NATUREZA?

CLIQUE NA IMAGEM E CONHEÇA O EBOOK